Arquearia Meditativa

Ninfa do amor caminhando na floresta com arco e flecha para praticar arquearia meditativa

por Fernando Augusto Schroeder de Paula e Souza

Arquearia, uma prática Espiritual, Profunda e Natural

O arco, a corda e a flecha são três partes de uma coisa só, assim como nós somos partes de algo maior, e hoje vou contar um pouquinho sobre arquearia meditativa. Eu Fernando sempre carreguei comigo a certeza de que não estava só, mesmo nos momentos que sozinho eu estava. Um belo dia ganhei de aniversário de 18 anos o arco e a flecha!

Minha experiência fez eu quebrar muitas flechas atirando com o arco, mas ao longo de quebrar flechas acertar o alvo ou não, eu percebi muitas coisas.

Percebi que consegui me sentir internamente o meu respirar até mesmo os meus batimentos. Percebi que poderia também sentir externamente tudo que me cercava ao mesmo tempo que minha mente estava em silencio. Eu estava focado no alvo. Conseguia perceber o vento o som das folhas e de toda a vida da natureza ao meu redor. Desse dia em diante soube que atirar com o arco e flecha não é somente puxar uma corda e soltar uma flecha.

Eu pratiquei artes marciais ao longo de minha juventude, com o tempo de arquearia fui somando as coisas, mas nem tudo são flores.

Por motivos que nem lembro deixei o arco parado por muito tempo, e acabei lotando minha mente com os problemas do dia a dia. Nesse período também já havia abandonado as artes marciais. Porém, em meu coração e mente, jamais esqueci o que havia aprendido. E, principalmente o que havia sentido com o arco e flecha.

Tiro com arco: O retorno para arquearia

Em 2019 voltei com a pratica da arquearia juntando o meu sentir e meditar, isso foi graças a uma mulher e mentora:


Foi graças a você Scharlene Luciara Amarante (Ninfa do amor). Ver você atirando pela primeira vez fez meu coração pulsar e relembrar toda a sabedoria guardada aqui no fundo de minha alma. Te ver crescendo como arqueira relembrou de mim e de como eu sou ao atirar.

F.A.S.P.S.

Aí então, conheci Scharlene e deixei ela atirar para observar.

Na primeira vez apenas disse segure assim e atire. Ver o instinto individual é importante na arquearia meditativa.
Logo na primeira vez ela demonstrou a sua própria forma de atirar.

E com o tempo fui ensinando sobre as técnicas variadas de tiro bem como concentração e focar. Mas sempre, deixei frisado, que o importante na arquearia meditativa é conhecer a si mesmo. Pois trata-se de equilíbrio interno sendo expressado no tiro externo. Assim consegui ver Scharlene e seu jeito de atirar fluir livremente. Sempre melhorando em seu próprio caminho.

Hoje estamos juntos praticando a arquearia meditativa e desenvolvendo em cada um de nós nossa conexão com a ancestralidade pessoal, bem como equilíbrio, concentração, agilidade e percepção.

O convite

Conecte-se a vida ao seu redor a si mesmo, a nobreza e pureza do arqueiro(a) interno e da arquearia meditativa.

Convidamos a todos que queiram aprender, sentir e vivenciar, venham meditar e atirar conosco na arquearia meditativa.

Agora Scharlene e eu, vamos compartilhar um pouquinho dos momentos vivenciados nessa prática para deixar um gostinho que também quero!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support